contato: 11 9 8496 8951

Kung Fu Zen Marcial

Lutando por um mundo melhor!

O Espírito Se Move Quando Acessa o Círculo da Paz

quinta-feira, 10 outubro , 2019

A paz de espírito pode ser um valor difícil de conquistar para quem não a traz do berço e talvez seja o maior de todos os tesouros que possa ambicionar um ser humano.

É que a maioria o ignora e se perde em propósitos menores, às vezes, a vida todinha. Muita gente hoje em dia recorre a tratamentos químicos pesados para tentar encontrar a paz interior.

Continue lendo “O Espírito Se Move Quando Acessa o Círculo da Paz” »
Assuntos Blog, texto

Médico encontra na prática do Kung Fu um aliado para a saúde e o bem-estar

segunda-feira, 1 abril , 2019

Muitas horas de trabalho e muita pressão. A extenuante rotina de trabalho de um médico pode levar a quadros de estresse e esgotamento. Buscando a mesma qualidade de vida que ele recomenda aos pacientes, o Dr. Paulo Camiz encontrou o Kung Fu. Continue lendo “Médico encontra na prática do Kung Fu um aliado para a saúde e o bem-estar” »

Assuntos Blog, texto

A Importância da Arte Marcial para os jovens

terça-feira, 19 fevereiro , 2019

O Kung Fu, como outras artes marciais, tem como principal objetivo fortalecer os praticantes e prepará-los para uma luta. Para isso, os lutadores passam por treinamentos para desenvolver força muscular, flexibilidade, coordenação motora, equilíbrio, além de qualidades abstratas como memória, disciplina, paciência, respeito etc.

Continue lendo “A Importância da Arte Marcial para os jovens” »
Assuntos Blog, texto

Saúde e prevenção com Kung Fu

segunda-feira, 15 outubro , 2018

As pessoas buscam sempre a felicidade e nela está inclusa a saúde e a qualidade de vida. A saúde nada mais é do que um estado harmônico de ausência de doenças.
Continue lendo “Saúde e prevenção com Kung Fu” »

Assuntos Academia Zen Marcial, Blog

O Festival da Lua 中秋節

terça-feira, 25 setembro , 2018

Hoje celebramos na China o Festival do Meio do Outono ou também chamado de Festival da Lua Cheia. Continue lendo “O Festival da Lua 中秋節” »

Assuntos Blog, Cultura Chinesa

Os Ciclos da Vida

segunda-feira, 12 março , 2018

O universo parece funcionar em ciclos. Os astros, os planetas giram uns em torno dos outros, como uma dança universal e infinita.
Continue lendo “Os Ciclos da Vida” »

Assuntos Blog, texto

Celebração de Aniversário 2 anos Kung Fu Zen Marcial

sexta-feira, 3 novembro , 2017

Temos o prazer de convidar para a celebração de dois anos da academia Kung Fu Zen Marcial. Continue lendo “Celebração de Aniversário 2 anos Kung Fu Zen Marcial” »

Assuntos Academia Zen Marcial, Blog, eventos

Mestre Yim Sheung Mo

quarta-feira, 12 julho , 2017


 
Nascido em 1882 na cidade de LinXi, província de Guanzhou, aos 35 anos de idade Yim Sheung Mo já era um respeitado e conhecido mestre do estilo Hung Gar. Nesta mesma época o destino de dois mestres se cruzaram numa situação inusitada.
Fato comum naquele tempo, Yim Sheung Mo ouviu sobre a reputação de um jovem mestre vindo do norte e resolveu desafiar Ku Yu Cheong para um combate amistoso. Yim Sheung Mo disparou diversos chutes e socos, mas Ku Yu Cheong defendeu todos com apenas uma das mãos. Ao contra-atacar, Ku Yu Cheong encostou no corpo de Yim Sheung Mo à vontade, que não conseguiu nem defender-se nem desviar dos ataques. Percebendo a superioridade do adversário, Yim Sheung Mo se desculpou, abandonou o seu estilo e tornou-se discípulo de Ku Yu Cheong.
Transformou-se em um dos três herdeiros do conhecimento de Ku Yu Cheong e teve a oportunidade de aprender outros estilos, graças à reputação de seu mestre; aprendeu o estilo Choy Li Fat Bak Sing com Tam Sam, e os estilos Luo Hap e Chi Yi Mun com Mong Lai Sin.
 
Aconselhado por Ku Yu Cheong, Yim Sheung Mo mudou-se para Hong Kong em 1952 devido à instabilidade política da China, e lá recebeu a acolhida da família de Chan Kowk Wai. Ali passou a ministrar aulas. Sua reputação cresceu rapidamente e logo se tornou um mestre conhecido em Hong Kong.
 
Famoso por suas habilidades marciais, Yim Sheung Mo também foi personagem de muitas histórias curiosas: num restaurante, Yim Sheung Mo perfurou uma xícara de porcelana com o dedo médio sem movê-la. Seu apelido era Yim “Cabeça-de-ferro”, pois, certa vez, visitando antigos colegas de Hung Gar, foi apresentado a alunos mais novos de forma jocosa como “o mestre de Hung Gar que havia virado aluno de Shao Lin do Norte”; após terminar a sua visita, despediu-se dos presentes, abriu um buraco na parede com a sua cabeça e foi embora.
 
Yim Sheung Mo teve muitos alunos em Hong Kong, e deixou alguns representantes dos seus ensinamentos em todo o mundo; Chan Ning Ling, Choy Ning, Au Wing I, Wong Chia Man, Kwok Wing Lam e muitos outros, mas o que mais se destacou e tornou-se herdeiro de todo o seu conhecimento foi Mestre Chan Kowk Wai .
 
Yim Sheung Mo dedicou toda a sua vida ao ensino da arte marcial chinesa e deu aulas até seu último dia de vida, vindo a falecer em 1971 em Hong Kong.

Assuntos Mestres

Mestre Ku Yu Cheong

quarta-feira, 12 julho , 2017


 
Nascido em 1894 na província de Kiangsi , Ku Yu Cheong cresceu em Nanking e teve contato com a arte marcial desde criança. Seu pai, Ku Lei Chi, era mestre de Cha Kuen e Tam Toi, e era proprietário de uma notável companhia de segurança que oferecia escolta e proteção para caravanas que viajavam pelas regiões da China.
 
Ku Yu Cheong treinou com o seu pai até os doze anos, quando o seu pai foi acometido de uma doença incurável e acabou por falecer. Em seu leito de morte, Ku Lei Chi aconselhou o filho para que, se quisesse dar prosseguimento ao seu aprendizado marcial, procurasse pelo mestre Yin Kai Yun, herdeiro de um dos muitos estilos do mosteiro de Shaolin.
 
Yin Kai Yun e Ku Lei Chi tornaram-se amigos durante um sangrento confronto, quando suas respectivas caravanas foram atacadas por bandidos; Yin Kai Yun havia perdido a maioria dos seus homens quando Ku Lei Chi interveio e salvou sua vida. Ku Lei Chi era famoso por suas técnicas de chutes, que arremessavam os adversários a grandes distâncias. Deste encontro nasceu uma grande amizade entre dois grandes mestres.
 
Ku Yu Cheong dirigiu-se até a província de Shantung com uma carta de seu pai e Yin Kai Yun imediatamente o aceitou como aluno e discípulo. Ku Yu Cheong permaneceu com Yin Kai Yun por mais de dez anos e tornou-se herdeiro de seu conhecimento: “Os Dez Caminhos de Shaolin” (um dos muitos estilos originários do mosteiro de He Nan), um vasto arsenal de armas tradicionais, a técnica de cultivo de energia vital (Chi) “O Pequeno Sino de Ouro” e a famosa “Palma-de-Ferro”.
 
Ao saber do falecimento de sua mãe, Ku Yu Cheong retornou a Nanking. Yin Kai Yun lhe disse: “a China é um país muito grande e existem muitos mestres habilidosos, por isso, seja prudente e cauteloso com o seu conhecimento”. Ku Yu Cheong respondeu ao seu mestre que jamais o decepcionaria e o faria orgulhoso.
 
Por volta de 1928, Ku Yu Cheong, juntamente com outros mestres famosos, foi requisitado pelo governo para integrar o quadro de professores da famosa Academia Central de Nanking, um dos centros mais importantes para o ensino das artes marciais em todo o território chinês. Lá, Ku Yu Cheong conheceu grandes mestres como: general Li Kin Lam (Tai Kek Kuen, Baat Kek Kuen e espada Mou Tong), Sun Lok Tong (Baat Kua Cheong), Yang Cheng Fu (Tai Kek Kuen), Mong Lai Sing (LuK Hop Kuen) e outros. Alguns anos depois, Ku Yu Cheong foi convidado para representar a Academia Central em GongShao, Cantão, junto com outros quatro mestres que ficaram conhecidos como “Os Cinco Tigres do Norte”.
 
Ku Yu Cheong foi responsável pela introdução e divulgação de muitos dos estilos do norte no sul da China, e protagonista de muitas histórias, como, por exemplo, a utilização da sua energia vital para tratar enfermos, quebrar uma pilha de doze tijolos refratários com um único toque, e a mais famosa de todas: quando matou um cavalo gigante que pertencia a um circo russo itinerante. O dono do circo oferecia dinheiro a quem resistisse a um coice do animal, que já havia matado muitas pessoas. Ku Yu Cheong aceitou o desafio e ao final de três coices, encontrava-se ileso; ele pediu para ver o cavalo de perto e desferiu um ataque com a sua palma do dorso do animal. O cavalo empinou, relinchou e morreu. Apesar de não haver dano aparente, na autópsia constataram que todos os órgãos internos haviam se dissolvido.
 
Ku Yu Cheong faleceu em 1952.

Assuntos Mestres

Mestre Chan Kowk Wai

quarta-feira, 12 julho , 2017

Nascido em 1934, na cidade de Taishan, província de Cantão, Chan Kowk Wai iniciou seu treinamento aos quatro anos de idade. Ele assistia escondido às aulas de Choy Li Fat ministradas pelo Mestre Chan Cheok Sing aos aldeões. Mestre Chan Kowk Wai foi pego por um dos alunos mais velhos e foi levado à presença do mestre, que, ao invés de repreendê-lo, o aceitou como aluno devido a sua dedicação. Mestre Chan treinou somente o estilo Choy Li Fat até os quatorze anos de idade.
 
Hoje Grão-Mestre Chan Kowk Wai, no ano de 1949, quando da proclamação da República Popular da China, mudou-se com a sua família para Hong Kong e lá continuou o seu aprendizado com o seu tio, Ma Kim Fong, mestre do estilo Lo Hon Kuen (um dos muitos estilos criados dentro do Mosteiro de Shao Lin).
 
O Grão-Mestre Yim Sheung Mo mudou-se para Hong Kong pelos mesmos motivos e se hospedou na casa da família de Chan Kowk Wai, ali estabelecendo sua escola. Assim, o jovem Chan teve a oportunidade de aprender o estilo Shao Lin do Norte. Sua dedicação foi intensa, treinando e aprendendo dia e noite com o Mestre Yim Sheung Mo, tornando-se herdeiro do estilo Shao Lin Norte, das técnicas de Chi Kung (ou Qi Gong) marcial e massagem curativa.
 
Também se tornou mestre e herdeiro de outros estilos que aprendeu com mestres apresentados pelo seu mestre Yim Sheung Mo, como: Louva-a-Deus Sete Estrelas com o Mestre Won Hong Fan, Garra de Águia com o Mestre Ching Jim Man e Hung Sing Choy Li Fat com o mestre e conceituado médico Yim You Chin. Todo o conhecimento adquirido em uma década exigiu grande dedicação e tornou o Grão-mestre Chan Kowk Wai um dos mestres mais respeitados dentro e fora da China.
Chegando em 1960 no Brasil, Grão-Mestre Chan participou da formação do Centro Social Chinês, onde ministrou aulas de Kung Fu por doze anos. Também ministrou aulas na USP durante sete anos.
 
Em 1973 fundou a Academia Sino-Brasileira de Kung Fu e desde então formou vários professores que perpetuam os conhecimentos por todo o Brasil e em outros países como Argentina, Canadá, Chile, Espanha e Estados Unidos.
Grão-Mestre Chan Kowk Wai até hoje leciona diversos estilos de Kung Fu na matriz da Academia Sino-Brasileira, dentre os quais: Choy Li Fat, Shao Lin do Norte, Tam Tui, Tcha Chuan, Lo Hap, Lo Hon, Tong Long, Garra de Águia, Xing Yi, Pa Kua, Tai Chi Chuan e Pa Ki.

Assuntos Mestres

Kung Fu Zen Marcial

Academia Sino Brasileira de Kung Fu

 

Aulas

Kung Fu
Rua Muniz de Sousa 635 - Aclimação

Qi Gong Saúde (Aberta a todos)
Todo Domingo as 10h
Parque da Aclimação, em frente à concha acustica

Contato
Tel: 11 984968951
E-mail: contato@kungfuzenmarcial.com.br